Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Welington Corporation

Um Blog de poesia, imagens estudos das Escrituras, mensagens e textos engraçados

Um Blog de poesia, imagens estudos das Escrituras, mensagens e textos engraçados

Welington Corporation

29
Out09

Carta aos Filipenses

wellcorp
Trecho da carta aos Filipenses, Novo Testamento.


Certa feita Paulo escreveu uma carta à igreja em Filipos, cidade romana famosa, palco da batalha célebre entre Marco antonio e Octavius Augustus, que queriam vingar a morte de César pelas mãos de  Brutus e de Cássio (Júlio César cai em desgraça perante os seus pares e é assassinado, em pleno Senado, por 60 conjurados, entre eles um familiar insuspeito: o seu próprio sobrinho e filho adoptivo.) Surpreso, César disse: Tu quoque, Brute, fili mi? (Até tu, Brutus, meu filho?) .
Filipos ficava no caminho de estrada grega famosa, a principal via de acesso a Europa, o caminho Egnatan.
Possuía uma velha sinagoga judaica perto do porto.
Certo dia ao encontrarem uma moça de nome Lidia, que vendia púrpura, os apóstolos iniciaram uma pequena comunidade cristã, que se tornou uma grande igreja,
com pessoas que marcaram a vida de Paulo, de modo singular.
Ele se apaixonou pelos Filipenses, que amavam a Paulo também de modo espetacular.
Se tornaram para ele o mais querido grupo de todos os que ele evangelizou, pela afeição que demonstraram para com ele, gerando uma amizade tão profunda
que anos mais tarde, quando na prisão a caminho do desconhecido (Paulo se apresentaria a Nero em Roma), ele escreveria uma carta aos Filipenses, transbordando afeição.
Filipenses então é a carta, em que Paulo fala do amor que havia em Cristo, que norteava sua vida, de um modo bem especial.
Ele "rasga" o coração revelando tudo o que entendia do amor de Cristo.
E o que ele já sentia e ansiava que eles sentissem.

Abaixo então, um capítulo mágico das Escrituras do Novo Testamento, 
Sobre o que Paulo entendeu da natureza do mistério do amor de Cristo Jesus,

enjoy
.

Welington José Ferreira



Filipenses

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D