Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Welington Corporation

Um Blog de poesia, imagens estudos das Escrituras, mensagens e textos engraçados

Um Blog de poesia, imagens estudos das Escrituras, mensagens e textos engraçados

Welington Corporation

22
Mar11

Vai

wellcorp





Vai que não semeasse tormentas.
E que não fossem mortas as sementes.
E que crescessem implausíveis
Numa terra de sequidão

Vai que nascessem as flores
Que brotassem as romeiras
Neste jardim multicor.
Vai que desse certo a sementeira
E que as palavras do profeta
Encontrassem campos férteis
Dentre outros dos corações...
22
Mar11

Vai

wellcorp





Vai que não semeasse tormentas.
E que não fossem mortas as sementes.
E que crescessem implausíveis
Numa terra de sequidão

Vai que nascessem as flores
Que brotassem as romeiras
Neste jardim multicor.
Vai que desse certo a sementeira
E que as palavras do profeta
Encontrassem campos férteis
Dentre outros dos corações...
12
Jun08

Reinvenção

wellcorp

Reinvenção

A vida só é possível
reinventada.

Anda o sol pelas campinas
e passeia a mão dourada
pelas águas, pelas folhas...
Ah! tudo bolhas
que vem de fundas piscinas
de ilusionismo... - mais nada.

Mas a vida, a vida, a vida,
a vida só é possível
reinventada.

Vem a lua, vem, retira
as algemas dos meus braços.
Projeto-me por espaços
cheios da tua Figura.
Tudo mentira! Mentira
da lua, na noite escura.

Não te encontro, não te alcanço...
Só - no tempo equilibrada,
desprendo-me do balanço
que além do tempo me leva.
Só - na treva,
fico: recebida e dada.

Porque a vida, a vida, a vida,
a vida só é possível
reinventada.

Cecilia Meyrelles.

Há um instante magistral no coração humano,
quando sua alma se afeiçoa as palavras
e elas fluem como rios
Embaladas pelo som do coração.
Um momento cheio de mistérios
Quando o poeta ultrapassa os limites de sua
insólita inspiração
E sendo mais pleno que sua limitação
Transpõe a barreira do tempo
E se torna profeta
Mesmo que por alguns instantes.
Como as canções que habitavam os céus
Antes de se tornarem o saltério
Que o pastor de ovelhas Davi
Entoou por todos os dias
Dessa sua vida transformada em salmos.
Eu vejo as mesmas cores
Eu sinto o mesmo cheiro
Em algumas canções da alma
De nossa grande poetisa,
Cecília.

Welington

12
Jun08

Reinvenção

wellcorp

Reinvenção

A vida só é possível
reinventada.

Anda o sol pelas campinas
e passeia a mão dourada
pelas águas, pelas folhas...
Ah! tudo bolhas
que vem de fundas piscinas
de ilusionismo... - mais nada.

Mas a vida, a vida, a vida,
a vida só é possível
reinventada.

Vem a lua, vem, retira
as algemas dos meus braços.
Projeto-me por espaços
cheios da tua Figura.
Tudo mentira! Mentira
da lua, na noite escura.

Não te encontro, não te alcanço...
Só - no tempo equilibrada,
desprendo-me do balanço
que além do tempo me leva.
Só - na treva,
fico: recebida e dada.

Porque a vida, a vida, a vida,
a vida só é possível
reinventada.

Cecilia Meyrelles.

Há um instante magistral no coração humano,
quando sua alma se afeiçoa as palavras
e elas fluem como rios
Embaladas pelo som do coração.
Um momento cheio de mistérios
Quando o poeta ultrapassa os limites de sua
insólita inspiração
E sendo mais pleno que sua limitação
Transpõe a barreira do tempo
E se torna profeta
Mesmo que por alguns instantes.
Como as canções que habitavam os céus
Antes de se tornarem o saltério
Que o pastor de ovelhas Davi
Entoou por todos os dias
Dessa sua vida transformada em salmos.
Eu vejo as mesmas cores
Eu sinto o mesmo cheiro
Em algumas canções da alma
De nossa grande poetisa,
Cecília.

Welington

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D